Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2011: um ano vitorioso para a Uneal
19/12/2011 - 10h15m

2011: um ano vitorioso para a Uneal

Instituição apresenta balanço do ano e perspectivas para 2012

2011: um ano vitorioso para a Uneal

Há 41 anos, a Universidade Estadual de Alagoas (que já foi FUNEC E FUNESA) traça uma história de difusão e valorização da educação superior no interior do Estado. Nas últimas quatro décadas, esse valor tem sido repassado, religiosamente, para cada nova geração de acadêmicos. Nesse processo, a evolução tornou-se uma constante. As mudanças têm ocorrido, ano após ano, sempre em busca da consolidação de um ensino público, gratuito e de qualidade.

Em 2011, a Uneal viveu mais um período singular de sua trajetória: ganhou mais visibilidade no Estado, no Brasil e até internacionalmente, além de angariar mais respeito e recursos para o desenvolvimento de projetos educacionais. Isso só foi possível graças ao empenho de todos (gestores, professores, técnicos e alunos) que compõem a comunidade acadêmica.

Dentre as ações desenvolvidas ao longo de 2011, os editais internos - cujas verbas disponibilizadas chegaram a quase R$ 1 milhão – foram primordiais para o incentivo ao desenvolvimento de pesquisas, trabalhos de extensão e publicações acadêmicas e culturais. O estímulo a eventos também foi destaque uma vez que a Uneal incentivou diversas iniciativas, por meio da cessão de recursos, espaços, equipamentos e funcionários.

Docentes, estudantes e técnicos também foram incentivados a aprimorarem os seus conhecimentos por meio de auxílio para a participação em congressos, seminários, cursos, entre outros, dentro e fora do Estado. O auxílio à estudante e a pesquisadores garantiu que os pedidos de capacitação ou participação em eventos fossem atendidos, inclusive aqueles para fora do País.

Mas a Uneal quer proporcionar mais crescimento profissional, não somente para os membros da Academia, mas para toda a sociedade alagoana. Prova disso foi a submissão do projeto de mestrado profissional à CAPES. O dever de casa foi cumprido e agora a instituição aguarda a publicação do resultado da avaliação feita pela CAPES.

O Programa Especial para Formação de Servidores Públicos é outro projeto, planejado em 2011, que visa qualificar servidores públicos estaduais e municipais, por meio da oferta de graduação em Administração Pública; Ciências Biológicas; Geografia; História; Letras; Matemática; Pedagogia e Química. Estão incluídos os cursos de pós-graduação Latto Sensu: Análise e Gestão Ambiental; Psicopedagogia; Gestão Escolar; Educação Matemática; Inspeção Escolar; Educação Infantil e Alfabetização e Letramento. A previsão é de que o vestibular do Proesp ocorra ainda em março de 2012.

Avaliação institucional:
De maio até agosto deste ano, toda a comunidade acadêmica esteve mobilizada para o êxito do processo e os cursos receberam professores filiados ao INEP/MEC que avaliaram as condições das graduações. A expectativa é que todos os cursos sejam avaliados com média acima de 3, garantindo, assim, a renovação e reconhecimento das graduações avaliadas.  Por ser uma universidade estadual, todo processo de avaliação é conduzido pelo Conselho Estadual de Educação que emite o parecer de cada curso.

Reunião com o Governador:
Em 2011, a Uneal participou de duas reuniões com o Governo Estadual, em abril e dezembro. No segundo encontro, o governador Teotonio Vilela Filho anunciou a autorização do concurso público para professor efetivo, uma antiga solicitação de extrema relevância para o funcionamento da Universidade. A previsão é que o concurso ocorra no primeiro semestre de 2012.

Por falar em concurso, as seleções de professor substituto, apesar de apenas atenderem a uma demanda emergencial, também foram fundamentais para que as aulas fossem desenvolvidas ao longo do ano. As pró-reitorias de Graduação, e de Desenvolvimento Humano realizaram três certames, além do concurso para professor do Procampo. A ação garantiu que muitos alunos continuassem tendo as aulas enquanto o concurso para professor efetivo não ocorre.

Informatização: A digitalização e integração do Sistema Acadêmico da Uneal têm pautado os trabalhos da equipe do Núcleo de Tecnologia da Informação da instituição. Este ano, em parceria com a Uncisal, a Uneal deu os primeiros passos para informatizar os dados acadêmicos. A previsão é que o sistema acadêmico informatizado esteja em pleno funcionamento no primeiro semestre de 2012.

Em 2012, a Uneal irá crescer ainda mais. O governador Teotônio Vilela Filho já garantiu a realização de concurso público, a nomeação de mais técnico-administrativos, reforma do prédio do Campus I, ampliação do Campus III, construção do Campus V e do Campus I, além de afirmar que vai analisar as requisições salariais e de carreiras dos servidores da universidade.

A equipe gestora também não pára o trabalho. As idas a Brasília continuarão em 2012, bem como o apoio a qualificação dos alunos, professores e técnicos e o incentivo à produção acadêmica.

2012 desponta para a Uneal como um ano cheio de promessas realizáveis! Vamos juntos construir uma nova universidade!
     
 

Ações do documento

sisu.png

sistema academico

sistema-academico-tecnico.jpg

BanneRegistro.jpeg

CPL

logo prodic

revistas.png

egresso-frase.png

ouvidoria.png