Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2015 Maio Estudantes de Administração e Ciências Contábeis declamam poemas clássicos
18/05/2015 - 14h40m

Estudantes de Administração e Ciências Contábeis declamam poemas clássicos

Atividade extraclasse de Língua Portuguesa Instrumental aconteceu no Campus I

Estudantes de Administração e Ciências Contábeis declamam poemas clássicos

Carlos Alberto Jr.

No último sábado, dia 16, as turmas do primeiro período dos cursos de Ciências Contábeis e Administração, participaram de uma atividade extraclasse pela disciplina Língua Portuguesa Instrumental, ministrada pelo professor Jairo Campos. Vestidos a cárater, os estudantes declamaram, nas dependências do Auditório Dona Bezinha, poemas clássicos de nomes conhecidos da literatura brasileira.

Obras de autores como Carlos Drummond de Andrade, João Cabral de Melo Neto, Cecília Meireles, Fernando Pessoa, Mário Quintana, Júlio Salusse, Augusto dos Anjos, Jorge de Lima, Vinicius de Morais, Camões, Chico Buarque, Lêdo Ivo e Guimarães Rosa foram declamados com maestria pelos estudantes.

O estudante José Adailson, do curso de Administração, encarou a atividade como um aprendizado para o seu cotidiano. “Estou no curso que sempre quis fazer, na área que sempre gostei. Declamar poema em público foi bom para vencer a timidez. Sair da rotina é bom e mais conhecimento para mim”, falou.

Também de Administração, a estudante Juliana Correia considerou a atividade como diferente e gratificante. “Fugiu um pouco do que estamos acostumados a ver em nosso curso. Isso é o que a gente vai viver na nossa profissão. A gente tem que saber improvisar, lidar com o público e, claro, sem o nervosismo”, destacou.

DESAFIO VENCIDO
O professor Jairo Campos da Costa, mostrou-se satisfeito com o resultado. “Quando eu trabalho com literatura, independente do curso, procuro privilegiar esse momento da expressão, do corpo, da performance, da poesia. Compreendo a importância que arte tem na formação do homem, das pessoas, de torna-las mais sensíveis, mais humanas. Contadores e administradores precisam também ser leitores de ficção”, frisou.

Ainda de acordo com o professor, a resistência inicial se transformou num “desafio que foi superado com estilo e requinte. Foi uma etapa no processo de formação deles, tenho certeza que eles não irão esquecer. Acredito na arte como instrumento de melhora das pessoas. O dever foi cumprido e estou saindo muito feliz”, finalizou. 

Clique AQUI e veja alguns momentos da atividade.

Ações do documento

bannereduneal.jpg

banner_lateral_SEI.jpg

sisu.png

sistema academico

sistema-academico-tecnico.jpg

CPL

logo prodic

revistas.png

egresso-frase.png

bannereduneal.jpg

ouvidoria.png

lateral_registro_diplomas_externos.jpg