Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2016 Dezembro Retrospectiva 2016: Uneal avançou do desenvolvimento humano à pós-graduação
30/12/2016 - 21h20m

Retrospectiva 2016: Uneal avançou do desenvolvimento humano à pós-graduação

Retrospectiva 2016: Uneal avançou do desenvolvimento humano à pós-graduação

Fonte: Internet

Do incentivo à preservação das manifestações culturais de Alagoas à luta pela implantação do Plano de Cargo, Carreiras e Salários dos servidores, a Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) encerra 2016 com vitórias históricas. O empenho das equipes de cada setor da instituição foi decisivo.

No primeiro semestre do ano, foi concretizado o ingresso dos novos graduandos, por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU). Com isso, a forma tradicional de vestibular foi substituída pelas provas do ENEM. A seleção dos ingressantes permanecerá sendo feita pelo sistema federal, uma vez que a Uneal renovou a adesão ao SiSU para 2017.

A chegada de novos docentes à instituição foi um dos fatos mais celebrados pela comunidade acadêmica. Mais 11 professores foram nomeados e tomaram posse durante o ano de 2016. E não apenas o incremento do quadro, mas as oportunidades de capacitação também foram ampliadas, com a efetivação do doutorado interinstitucional em Letras com a Universidade Estadual de Maringá (hoje, com 12 doutorandos da Uneal).

Mais 20 vagas estão sendo ofertadas para o Dinter em Educação, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), também aprovado este ano.

A aprovação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), após quase meio século de lutas, trouxe novo fôlego para as categorias profissionais, com a garantia dos critérios de Progressão Funcional por Classe da Carreira do Magistério Superior e por Nível da Carreira dos Profissionais de Nível Superior, Médio e Elementar da Uneal. A dedicação exclusiva também foi aprovada.

Internamente, o Programa Qualifica, que visa qualificar profissionalmente os servidores técnico-administrativos da instituição, com o intuito de facilitar o melhor desenvolvimento do trabalho e o funcionamento dos setores da IES, promoveu diversos cursos, com destaque para os módulos de Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS).

Na graduação, a Uneal ganhou ainda mais um curso, com a aprovação do bacharelado de Direito no Campus VI, em Maceió, cuja primeira turma terá início no primeiro semestre de 2017. E o sistema acadêmico on-line passou a funcionar em todos os campi.

Na pós-graduação, o Programa de Mestrado em Dinâmicas Territoriais e Cultura (ProDiC), p primeiro da Uneal, realizou o processo seletivo e iniciou a primeira turma do curso stricto sensu.

Gestão
Com a formalização da Uneal como gestora do Polo Tecnológico Agroalimentar de Arapiraca, foi possível a utilização do espaço para eventos científicos e acadêmicos, como o Startup Weekend Arapiraca, o Simpósio Alagoano de Saúde Pública, entre outros. No momento, bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação tecnológica estão sendo capacitados para auxiliar no uso dos laboratórios do Polo.
Para se aproximar ainda mais da comunidade acadêmica, os gestores da Uneal estiveram em todos os campi, durante o ano, para ouvir demandas de estudantes, professores e técnicos. As visitas ocorreram sistematicamente a fim de formar um panorama completo da realidade vivenciada pela universidade em cada unidade.

Pesquisa

O incentivo à pesquisa teve um salto com a duplicação do número de bolsas de iniciação científica: de 40 foram para 80, este ano, além de 12 bolsas para o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Tecnológica; duas bolsas para o Programa de Mestrado em Dinâmicas Territoriais e Cultura (ProDiC); 11 bolsas de doutorado para o Dinter em Letras com a Universidade Estadual de Maringá; 15 bolsas de produtividade científica para os professores pesquisadores da Uneal pertencentes ao ProDic e para os professores que participaram das propostas de mestrado enviadas à CAPES. Todas essas bolsas foram articuladas junto à Fapeal. Além dessas, foram conquistadas mais duas bolsas de mestrado para o ProDic junto à CAPES.

Cultura e história

O Núcleo de Pesquisa em Literatura e Artes Visuais (Nuplav) do Campus V – União dos Palmares, coordenado pelo professor Jairo José Campos da Costa, apresentou os projetos do Espaço de Memória Artesão Fernando Rodrigues dos Santos, no povoado da Ilha do Ferro, no município de Pão de Açúcar, e o Espaço de Memória Artesã Irinéia Rosa Nunes da Silva, em União dos Palmares-AL. Ambos foram aprovados pelo Conselho Superior e devem ser inaugurados ainda no primeiro semestre de 2017.

Em 2016, a emoção tomou conta do público durante a cerimônia de outorga do título de Doutor Honoris Causa aos geógrafos Armen Mamigonian, Carlos Augusto de Figueiredo Monteiro, Maria Adélia Aparecida de Souza e Maria Auxiliadora da Silva. Os homenageados foram indicados pelo Núcleo de Estudos Josué de Castro, coordenado pelo professor Antonio Teles de Carvalho.

Também marcaram 2016 a inauguração do Núcleo de Apoio Fiscal, vinculado ao curso de Ciências Contábeis do Campus I – Arapiraca, e a aprovação em massa dos estudantes de direito no processo seletivo do Poder Judiciário de Alagoas.

A ocupação dos estudantes do prédio do Campus I interrompeu as aulas e as atividades administrativas. Os manifestantes visavam demonstrar repúdio à tramitação da PEC 241/PEC 55 no Congresso Nacional. A desocupação em dezembro abriu espaço para a definição do retorno às aulas somente em fevereiro.

Para o reitor Jairo Campos, os avanços na instituição são expressivos e devem ser celebrados. “Estou muito feliz de ser protagonista desse momento histórico da Uneal. Em tempos de crise, saímos vitoriosos. Trabalharemos ainda mais por grandes conquistas, como estas, em 2017” , afirmou.

Ações do documento

sisu.png

sistema academico

sistema-academico-tecnico.jpg

BanneRegistro.jpeg

CPL

logo prodic

lateral_twitter.jpg