Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Docentes e discentes do Campus III apresentam trabalhos no 3º Sipemat
19/06/2012 - 11h06m

Docentes e discentes do Campus III apresentam trabalhos no 3º Sipemat

A terceira edição do Simpósio Internacional d Pesquisa em Educação Matemática (SIPEMAT) terá a participação de professores e alunos da Universidade Estadual de Alagoas. O evento que acontece de 26 a 29 de junho, em Fortaleza, pretende incentivar o compartilhamento de experiências e idéias na área.

Estudantes da Uneal dos cursos de matemática, pedagogia e química, além dos docentes do Campus III, em Palmeira dos Índios, estão incluídos na programação. O professor Tony Fábio da Silva Neves, e os discentes Ana Theresa Alves da Silva, Camila Lima da Costa e Cícero Marcelo Silva de Lima apresentarão a oficina "Como Trabalhar Atividades Geométricas com Alunos Deficientes Visuais?".

Já os professores Lauro Lopes Pereira Neto e João Ferreira da Silva Neto, com os discentes Anderson Gomes dos Santos, Edna Ferreira da Rocha Silva e Eliane Elias Farias Barros irão realizar apresentar comunicação oral sobre "As Concepções de Professores-Discentes do Programa de Graduação de Professores sobre o Ensino de Matemática".


Confira os Resumos dos trabalhos:

"Como Trabalhar Atividades Geométricas com alunos Deficientes Visuais?"

Autores: Ana Theresa Alves da Silva, Camila Lima da Costa, Cícero Marcelo Silva de Lima, Tony Fábio Silva das Neves.

A presente oficina foi desenvolvida por graduandos da Universidade Estadual de Alagoas – UNEAL, com a curiosidade de analisar como, na prática, ocorre a Inclusão Escolar, assim como, observar o desenvolvimento do ensino-aprendizagem da matemática para pessoas com limitações visuais. Além disso, realizou-se uma pesquisa, abordando em particular os conteúdos geométricos, com uma aluna deficiente visual para o desenvolvimento e adaptações de atividades. Tendo por objetivo sensibilizar os educadores para necessidade de adequar os seus métodos de ensino, esta oficina mostrará a importância do uso de materiais didáticos como apoio na prática pedagógica oferecida a alunos com deficiência visual incentivando-os a desenvolverem seus próprios materiais que viabilizem o aluno deficiente visual a compreender e resolver os mesmos exercícios que o aluno vidente.

"As Concepções de Professores-Discentes do Programa de Graduação de Professores sobre o Ensino de Matemática."

Autores: Lauro Lopes Pereira Neto, João Ferreira da Silva Neto, Anderson Gomes dos Santos, Edna Ferreira da Rocha Silva, Eliane Elias Farias Barros.

Ao longo dos anos o processo de ensino da matemática tem registrado altos índices de ansiedade e estresse de alunos e professores, uma vez que a disciplina matemática tem sido representada como um "bicho papão". isso tem sido observado nos diálogos dos mais diversos níveis de ensino básico. Mas, como os professores do ensino fundamental anos iniciais, que na sua formação acadêmica não são matemáticos e sim pedagogos, enxergam a disciplina matemática? Buscou-se com esse trabalho analisar a prática pedagógia dos professores-discentes do curso de graduação em Pedagogia do Programa de Graduação de Professores PGP-Alagoas em relação ao ensino da matemática e como os mesmo representavam a matemática em suas vidas. Buscando identificar os motivos culturais da "aversão matemática" a partir de uma pesquisa quantitativa/qualitativa. Nos resultados preliminares observou-se que a "aversão matemática" existe e agrava-se com a complexidade dos conteúdos matemáticos.
 

Ações do documento

banner_lateral_SEI.jpg

sisu.png

sistema academico

sistema-academico-tecnico.jpg

CPL

logo prodic

revistas.png

egresso-frase.png

ouvidoria.png